NOTICIAS DO DIA

  29/05/2007 10:08 – publicado por vigilante  [ Alterar ]   [ Excluir ]  


O prefeito de Sorocaba, Vitor Lippi (PSDB), apresentou ontem uma solução para acabar com as queixas de que o piso do Centro é escorregadio: vai mandar aplicar um produto químico em toda a área de 40 mil m2 onde há reclamações.

Segundo o prefeito, o valor para a aplicação do produto é mais baixo que se fosse trocado todo o calçamento. “Nós vamos pagar menos de R$ 4 por m2 do produto. Se fosse trocar tudo, o valor será de R$ 50 a a R$ 60”.

Para ter certeza de que o produto vai solucionar o problema, o prefeito mandou aplicar um pouco no piso do andar térreo do Paço, que é do mesmo do Centro. Depois disso, o prefeito mandou jogarem água no local e andou em cima para provar que não escorregava.

O vereador Francisco Moko Yabiku (PSDB), um dos mais críticos à situação do piso do Centro, aprovou a iniciativa. “Espero que esse produto funcione”.

O prefeito ressaltou também que o produto pode ser aplicado em qualquer horário. “Não vamos atrapalhar o comércio com obras. Para trocar todo o piso, a obra levaria mais seis meses”.

Segundo o secretário de Obras e Infra-estrutura Urbana da prefeitura, José Antônio Bolina, primeiramente foi feita uma compra direta do produto (sem licitação). “A compra direita é no valor de até R$ 8 mil. Agora teremos de fazer um processo de licitação”, disse.

Lippi acredita que tudo deva estar concluído entre 60 a 90 dias. “É o prazo para que seja feita a licitação e a aplicação do produto”.

Além disso, também será colocada uma camada asfática em três ruas do Centro.(vamos esperar que funcione,senão imagine o preju,trocar tudo de novo.)

 

COLUNA DO JOSÉ SIMÃO:

Buemba! Simão declara seu amor a Renan Calheiros: "I Lobby You!" 



da Redação

A segunda-feira já começa com o Renan Calheiros. Ou melhor, o Renan Malheiros. O grande assunto é que ele teve um caso e uma filha como uma jornalista (linda) chamada Mônica Veloso. E o que acontece? Ela recebe R$ 16.500 por mês e quem paga não é o Renan Calheiros. É o lobista! O Simão vai até mudar de sexo para casar com o Renan! Rarará! E um leitor disse que quer ser a filha do Renan Calheiros -leva a mãe de presente.

Mas toda história de amor é assim: começa em motel e termina em pensão! Com pensão paga pelo lobista! Moral da história: "I Lobby You!" Pensando nisso, o Simão vai fazer até uma camiseta para distribuir lá em Brasília: Vai estar escrito "I Lobby You", com um coração e o cifrão. Quem vai pagar a camiseta vai ser o lobista! Rarará! E o Renan com toda essa história vai lançar um outro programa, o PAC: Programa de Aceleração da Fornicação! Rarará! Engravidou? Tudo bem, o lobista paga!

Dá logo um mensalão pra essa mulher! E sabe onde ela vai retirar o dinheiro nas "Ilhas Cailheiros"! É um novo paraíso fiscal que descobriram. E as charges já começaram!

Diz ele que o dinheiro dele provém de negócios agropecuários. Vaquinha, sabe? As empreiteiras fazem aquela vaquinha! Rarará!

Agora, o maior acontecimento do fim de semana foi o casamento da cantora Wanessa Camargo com o empresário Marcus Buaiz. Foi sensacional. Os homens vestiam Ricardo Almeida, e as mulheres, botox!

E teve "só" 48 padrinhos! O altar era meio pequeno, parecia estação de Metrô! E muita pele. Se o Peta tivesse na porta só ia sobrar pele de sertanejo. Pele é meio duvidoso: gato de pobre vira espetinho, gato de rico vira estola. Mas foi bonito que eles dançaram grudadinhos, ao som de "É o Amor". Não poderia faltar!

E o Simão traz flagrantes exclusivos do casamento!

O Simão achou o casamento ótimo! Ele está até com "jet leg". Ou melhor, "jegue legue"! E o tapete vermelho é o máximo. Fica a turma do sereno torcendo pra ver celebridade! Aparece um garçom, eles gritam! Rarará! O Simão aproveitou pra cantar "É o Amor" com a Astrid. Ficou armando bagunça do lado de fora! Típico! Rarará!
tem a turma do sereno, que fica ali plantada pra aplaudir as celebridades! rarará!

Antitucanês, mais direto impossível!

O antitucanês está cada vez mais internacional. Desta vez, ele foi achado na Nova Zelândia! É uma cidade por lá! Aí você está dirigindo e pergunta: "Quantos quilômetros falta para Te Uku?" Rarará! E não tem retorno de lá! Vai direto pra Te Uku! Não precisa nem de GPS pra localizar a cidade!

Cartilha do Lula

Lobista: companheiro que comeu a Chapéuzinho Vermelho! Rarará!

http://terramagazine.terra.com.br/interna/0,,OI1649592-EI6592,00.html 38% das criancas assistem canal pago entre 22 a meia noite revela pesquiza.(ja se foi o tempo que crianca dormia cedo,a culpa é dos pais que não poem limites,e canal pago passa de tudo,pra ser uma idéia no dia 1 de janeiro deste ano a tarde foi exibido o filme irreversivel, que tem uma cena de estupro que dura uns 10 minutos.) 

 noticias do mundo:

http://noticias.bol.uol.com.br/entretenimento/2007/05/28/ult26u24195.jhtm POLÔNIA investiga se os teletubbies são gays.(quanta besteira minha nossa)

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva anunciou ontem um conjunto de medidas que compõem o programa de planejamento familiar, dentre eles, a oferta de anticoncepcionais, com até 90% de desconto no preço de referência do produto, nas farmácias e drogarias privadas credenciadas no programa Farmácia Popular do Brasil.

Além disso, o governo pretende ampliar a quantidade de contraceptivos gratuitos disponíveis nos postos de saúde. As medidas foram anunciadas por Lula, na Universidade Federal de São Paulo (Unifesp, antiga Escola de Paulista de Medicina), na Zona Sul, em solenidade em comemoração ao Dia Internacional da Saúde da Mulher e o Dia Nacional da Redução da Mortalidade Materna.

De acordo com o governo, com a expansão da oferta de anticoncepcionais para as farmácias e drogarias privadas credenciadas pelo programa Farmácia Popular, a cartela do contraceptivo deverá custar em torno de R$ 0,40. Estão na relação de medicamentos os anticoncepcionais injetáveis (dose mensal), as pílulas monofásicas de baixa dosagem e as minipílulas para uso na lactação. Cerca de 3,5 mil pontos de venda em todo o País estão credenciados no programa Farmácia Popular do Brasil e o objetivo do governo é ampliar esse número para 10 mil até o fim deste ano.

O governo também pretende estimular a realização de vasectomia na rede pública. Hoje, a administração federal arca com R$ 20 do custo do procedimento, valor que será elevado para R$ 123. ‘Temos de fazer uma política para todos, mas para proteger a parte mais pobre da população. E é essa parte mais pobre que não recebe em dinheiro ou em educação aquilo que recebem setores médios da sociedade que por si só, quando se casam, já planejam os filhos que querem ter’, disse Lula.

Os investimentos que serão realizados pela administração federal para o aumento da oferta de anticoncepcionais a preços reduzidos devem chegar a R$ 100 milhões. O aumento na oferta gratuita de cartelas de contraceptivos e de pílula combinada, nos postos de saúde, deve passar de 20 milhões para 50 milhões por ano e de ampolas de injetável deve subir de 1,2 milhão para 4,3 milhões.

O programa terá também o reforço de campanha publicitária de esclarecimento e estímulo ao planejamento familiar. O governo vai distribuir material educativo sobre os diferentes métodos de contracepção nas escolas, centros comunitários, unidades do Programa Saúde da Família e outros postos assistenciais e de saúde.

Segundo Lula, a intenção das medidas anunciadas ontem é proteger os mais pobres, prejudicados pela falta de educação e recursos para adotar o planejamento familiar. ‘Tentamos tirar a carga ideológica do que é planejamento familiar’, disse Lula, aproveitando o Dia Internacional da Saúde da Mulher. Na saída do evento, o presidente Lula enfrentou uma manifestação de estudantes contra a reforma universitária.

ONDE PAGAR MENOS PELOS REMÉDIOS

DROGASIL
3714 – 7700

DROGARIA SÃO PAULO
0800 – 152070

DROGARIA ONOFRE
3255 – 2345

DROGARAIA
0800774-4040

GRUPO PÃO DE AÇÚCAR

OUTROS ENDEREÇOS
de farmácias conveniadas e a lista de medicamentos estão disponíveis no site do Ministério da Saúde  (olha ai galéra se liga que ta muito facil heim?)

 

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) na Capital tem um saldo de aproximadamente R$ 35 milhões aplicados no mercado financeiro. Mas faltam médicos, enfermeiros, auxiliares de enfermagem, motoristas, técnicos administrativos. Faltam também ambulâncias, bases operacionais, rádios de comunicação, pontos de abastecimento de combustível.

Os recursos vieram do Ministério da Saúde e, desde 2005, estão praticamente intocados. Dos R$ 13,7 milhões repassados naquele ano, R$ 1,5 milhão foi revertido efetivamente para o Samu. O restante, a Prefeitura aplicou e rendeu R$ 1,2 milhão. Em 2006, a história se repetiu. O repasse do governo federal foi de R$ 20 milhões. Só que, dessa vez , os gastos foram inferiores ao rendimento da aplicação. No ano, foram usados R$ 3,2 milhões, enquanto o dinheiro rendeu R$ 3,3 milhões. O ano acabou com R$ 33,7 milhões nos cofres do Município.

O repasse mensal da União, de R$ 1,5 milhão, é para custeio (manutenção e contratação de terceirizados). Não pode ser usado na folha de pagamento. O restante deve vir dos governos municipal e estadual. Em São Paulo, a Prefeitura contribui com R$ 2,7 milhões por mês, para gastos com pessoal. O governo estadual acertou com o município que não repassaria recursos porque mantém parceria com o Corpo de Bombeiros.

A “poupança” do Samu surpreendeu o Conselho Municipal de Saúde. “Ainda não tivemos acesso à prestação de contas do Samu, o que é um absurdo”, disse a conselheira Ana Rosa Garcia. “Mas, os números assustam. Quantas pessoas tiveram a saúde agravada por falta de atendimento do Samu, enquanto o dinheiro estava estocado?”

A aplicação de recursos públicos no mercado financeiro não é ilegal. A legislação obriga que o dinheiro parado seja investido para não desvalorizar. “O poder público não foi constituído para gerar receita financeira. A aplicação nada mais é do que uma forma de proteger o patrimônio”, explicou o especialista em orçamento e finanças públicas, Paulo Brasil. O que ele questiona é se o Samu atende plenamente à população a ponto de se dar ao luxo de guardar a maior parte dos recursos.

Para o economista Amir Khair, ex-secretário de Finanças da Capital, falta organização e uma boa gestão dos recursos. “Se o dinheiro está em excesso deveria ser devolvido para a União. No setor público, o que não pode é sobrar dinheiro.”

A secretária municipal de Saúde, Maria Aparecida Orsini, admite que o atendimento está longe do ideal. Questionada em audiência pública na Câmara dos Vereadores, na semana passada, sobre a eficiência do Samu ela disse que o resgate de urgência na Capital é um caso muito delicado. Falou da abertura de concurso para contratar médicos e motoristas e da chegada de 10 novas ambulâncias. Mas concluiu: “É pouco? Sim, é muito pouco.”

O Samu opera hoje com 1.679 funcionários. Para garantir o atendimento mínimo necessário, é preciso contratar mais 908. O tempo médio entre o momento em que o resgate é acionado e a chegada da ambulância no local é de 30 minutos – três vezes mais do que o ideal.(TENHA sta paciência aplicam no mercado financeiro o dinheiro,enquanto o povo vai morrendo por ai,barbaridade,socorro)

Kassab está disposto a construir estádio em São Paulo para a Copa do Mundo de 2014
O prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, disse hoje que está disposto a assumir a construção de um estádio para que a cidade seja sede de jogos da Copa do Mundo de 2014. São-paulino, Kassab revelou que existe um acordo com o governador José Serra, no qual o governo do estado irá colocar – no cadernos de engargos da Fifa – o estádio do Morumbi como o mais indicado para receber as partidas.

"Se não der o Morumbi, a prefeitura assumirá e fará o estádio para que a cidade não fique sem o mundial", diz o prefeito. O presidente da Federação Paulista de Futebol já tinha apontado o local da nova arena: no bairro do Bom Retiro, na região central, onde hoje existe um campo de beisebol.

Marco Polo Del Nero voltou da Europa com o modelo já escolhido. Será o mesmo do estádio da Luz, em Lisboa, pertencente ao Benfica. "O Morumbi é nosso plano A, mas, se não der certo, vamos construir esse estádio com a ajuda da iniciativa privada, da prefeitura e do governo de São Paulo", diz o dirigente da FPF.

Kassab explica, porém, que tocar a obra requer antes licitação, projeto de viabilidade e um modelo a ser adotado para a construção. "Mas ainda acho que o estádio de São Paulo na Copa de 2014 será o Morumbi".(esee achakessab não se emenda mesmo)


 ESPORTE ULTRA RADICAL,QUERO VER QUEM TEM CORAGEM.

 


BAITOLAGEM NO FUTEBOL

 INTER DE MILÃO comemora titulo em parque aquático,na fóto vc verá o goleiro JULIU CESAR,com DEJAN STANKOVIC.(não seria muito mais gostoso descer om uma gostosa? até a CICCIOLINA iria bem.).

tem esta outra entre corinthians e unidas pela taça SOROCABA,mas na nminha cidade pô?


ESCULHAMBAÇÃO:

O governo lança um pacote ptra facilitar a vasectomia,o acesso a pilulas e outros meios mais baratos, pra população parar de lancar mão de obra barata e escrava para oa ricos e traficanntes,mas um senador deu o pessimo ex RENAN TREPALHEIROS ,pulou a cerca e agóra paga 16500 para seu filho com uma jornalista,crianca cara heim?.POR outro lado o asunto do momento poderá ser meteram a mão na brasileira no concurso miss univérso? segundo lugar enquanto uma japonesa leva o titulo,vão ficar falando, meteram a mão no BRASIL,assunto inutil,ou piór ainda,quem tava xique ou brega no casamento da VANESSA AMARGO,créeéédooo.

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s