protesto pelos seios livres agita NY

Dezenas de mulheres fizeram topless no coração de Nova York (EUA) paraexigir os mesmos direitos dos homens e poderem mostrar os seios – especialmente no verão!

O evento foi organizado pelo grupo GoTopless e teve marchas semelhantes em outras cidades pelo mundo.

( afinal seio é ou não orgão sexual, se não é pq não pode ser mostrado ?)

 

louco da NORUEGA pega 21 anos de cana em prisão de luxo

 

O assassino norueguês Anders Behring Breivik deve cumprir sua sentença de prisão em uma penitenciária perto de Oslo.

Breivik, de 33 anos, foi mantido por mais de um ano na penitenciária de Ila em seu Regime Particular de Alta Segurança – que é o regime penitenciário mais rigoroso do país.

A instituição afirmou em uma nota antes do veredito de Breivik, na sexta-feira, que ele inicialmente seria mantido isolado dos outros prisioneiros.

Em vez disso, seu contato com outras pessoas seria restrito aos funcionários da prisão. Exceto durante a visita semanal a que tem direito.

Ila é uma penitenciária masculina que “abriga os homens mais perigosos do país”, segundo seu site na internet.

Entre os ex-detentos está Varg “Greven” Vikernes, um músico do estilo “black metal” que matou um colega de banda e incendiou igrejas na década de 1960. Ele cumpriu uma pena de 16 anos.

Porém, a prisão de Breivik difere bastante de outras prisões de segurança máxima da Europa: a equipe de carcereiros é formada por homens e mulheres, que trabalham desarmados.

Cartas

Algumas fotos das instalações disponíveis para Breivik foram divulgadas.

Ele atualmente tem três celas – uma compensação por não ter tido acesso a atividades disponíveis para outros presos, segundo a porta-voz da instituição Ellen Bjercke.

Cada cela tem oito metros quadrados. Uma funciona como dormitório, outra tem equipamentos de ginástica e a terceira é um escritório – com um laptop fixo em uma mesa.

O computador não está conectado à internet, para evitar que ele faça contato com o mundo exterior. Bjercke disse à BBC que enquanto ele estiver lá nunca terá acesso à internet.

Mesmo se qualificar-se para atividades educacionais, ele só poderá usar um servidor especial criado pela prisão “com muitos filtros”, afirmou a porta-voz.

Os advogados de defesa de Breivik afirmaram que ele pretende divulgar seus manifestos por meio da publicação de livros.

Como prisioneiro, ele tem o direito de escrever quantas cartas quiser e enviá-las para qualquer lugar.

“Mas nós analisaremos tudo e se encontrarmos qualquer coisa que viole leis ou encoraje a atividade criminosa, por exemplo, nós a confiscaremos”, disse ela.

Para ter contato com o ar fresco, Breivik tem acesso a uma área externa cercada por paredes de concreto e arame farpado.

Para se entreter, ele pode usar um aparelho de TV e pode solicitar livros da biblioteca da prisão – que faz parte da rede pública de bibliotecas. Em tese, ele pode ler o livro que quiser, a menos que a publicação não se adapte aos critérios de segurança – “sem manuais para fazer bombas”, disse Bjercke.

Contudo, ele não terá acesso a seus antigos passa-tempos – jogos de tiro no video-game e também jogos do tipo RPG (role-playing games).

Isolamento

Autoridades da prisão de Ila afirmaram que em seu regime de confinamento, Breivik não pode encontrar detentos de outras alas.

Porém, ele poderá encontrar prisioneiros da mesma ala, se o encontro for considerado seguro.

A instituição diz preferir que Breivik tenha contato com carcereiros, supostamente qualificados para lhe proporcionar oportunidades de trabalho, educação e outras atividades.

“A ideia é aumentar o contato dele com funcionários da prisão, que têm a tarefa de mantê-lo ativo, fazer exercícios físicos e falar com ele”, afirmou Bjercke à Associated Press. “Isolamento é tortura”.

Após a oficialização da sentença, a rotina de Breivik se torna mais rígida.

Enquanto estava preso aguardando o julgamento, Breivik podia usar seu tempo como bem entendesse. Agora ele é sempre acordado às 7h. Pode, porém, decidir a que horas vai dormir, pois as luzes não são apagadas em horário específico.

Segurança

Criada para ser uma prisão feminina, Ila chegou a ser usada como campo de concentração durante a invasão nazista da Noruega na década de 1940.

A prisão moderna tem 12 alas e capacidade para 124 prisioneiros – que são vigiados por 230 carcereiros, que utilizam câmeras de segurança.

A última vez que um homem escapou de lá foi em 2004. Ele teria sido recapturado minutos depois, segundo o diretor da instituição, Knut Bjarkeid.

Apesar dos agentes penitenciários não usarem armas de fogo, eles têm acesso a cassetetes e gás lacrimogênio.

“Estou no negócio há 30 anos e nunca ví o gás ser usado”, disse Bjercke.

Ela afirmou ainda que se ocorrer uma situação na qual armas de fogo sejam necessárias, a prisão pode chamar a polícia. ( 21 anos seria a pena máxima por lá, aqui é 30, mas com reduções e benefícios não se chega a isso, lá deve ser integral creio eu)

Veja as frases ditas pelo atirador norueguês Anders Behring Breivik

Foto 6 de 20 – O atirador fez uma série de declarações surpreendentes entre segunda-feira e terça-feira, dias 16 e 17 de abril, os dois primeiros do julgamento. Breivik: “A única coisa que deveria surpreender a Noruega e a Europa é o fato de um ato assim não ter ocorrido antes” Mais 

cabo BRUNO, solto, e ai valeu a pena ?

O Cabo Bruno já morreu. O que resta agora é o cidadão Florisvaldo de Oliveira, um homem que sabe que errou, que pagou pelos seus erros e que deseja recomeçar a vida.

Após ser solto, cabo Bruno vai para a casa de parentes
Depoimento: Lenda do Maverick preto aterrorizava a zona sul
Com o tempo, policial virou justiceiro, diz major sobre Cabo Bruno

Um homem que, também, foi preso e condenado por vários crimes em um momento delicado da história política do país, quando havia grande insatisfação contra militares, então de saída do poder.

Isso é, em síntese, o que pensam o advogado do ex-policial militar, Fábio Tondati Ferreira Jorge, e a sua mulher, Dayse da Silva Oliveira.

Para o advogado, a decisão de soltar o ex-policial está “completamente dentro da lei”. “Era uma decisão esperada, ainda que tardia.”

Segundo ele, Bruno era “outra pessoa” no momento da prisão, em 1983 -quando os crimes atribuídos a ele tiveram grande repercussão.

“Na época, ele estava empolgado com a situação. A Polícia Militar também era outra”, afirma. “É como ele diz: o cabo Bruno morreu há anos. O que restou é o Florisvaldo.”

Jorge diz que o ex-policial “tem consciência de que cometeu algum crime”, mas afirma que também foi vítima do momento político.

A prisão deu no final da ditadura militar (1964-84), quando o país experimentava um movimento crescente por democracia e Justiça liderado por estudantes, sindicatos e partidos políticos.

“Quando o grupo de jurados era de empresários e pessoas mais velhas, ele era absolvido. Era tido como justiceiro. Quando era de estudantes e jovens, saía a condenação. Era a época de transição, em que os estudantes queriam acabar de vez com o militarismo no país”, disse.

Jorge afirmou que, com a saída da prisão, cabo Bruno teme represálias. “É lógico que ele tem algum receio [de que algo aconteça com ele devido aos crimes]. Mas é evangélico e acredita que essa situação é passado. Ele cometeu um erro e pagou”, disse.

Segundo a Folha apurou, no entanto, o ex-PM nunca fez questão de se desvincular do apelido de Cabo Bruno -era por esse nome que ele era chamado pelos presidiários.

SEGUNDA CHANCE

Moradora de Taubaté, pastora da Igreja Refúgio em Cristo e cantora gospel, a carioca Dayse, 45, é casada com Bruno há quatro anos. Ela o conheceu há sete, durante trabalho voluntário de evangelização na penitenciária.

Questionada sobre as mais de 50 mortes atribuídas ao marido, disse: “A gente sabe que nem cem anos pagariam o erro que ele cometeu. Deus e a Justiça estão dando outra chance a ele e a gente espera que a sociedade também dê.”

A Folha tentou ouvir Bruno, mas seu advogado disse que ele estava negociando uma entrevista por R$ 50 mil. (NATÁLIA CANCIAN, LAURA CAPRIGLIONE E LÉO ARCOVERDE)

Editoria de arte/Folhapress

 

( mania de preso querer ser evangélico né ? pô pq foi preso, pq não virou antes de ir em cana então ?, antes ficar que nem bobo pregando em praça do que querer evengelizar na cadeia. 

valeu a pena perder todos estes anos na cadeia ? adiantou matar tanta gente e nada da violência acabar, assim como os militares prometeram um pais justo e olha o que nos deixaram. 

pais que não tem educação, e povo bunda mole, cria este tipo de justiceiro e ainda hj tem gente que quer pegar em arma e fazer faroeste nas ruas, com a desculpa de que quer combater a violência.)

mulheres não admitem transexual em concurso de bum bum na BAHIA

Um grupo de mulheres organizou um protesto contra o concurso Miss Bumbum nesta quinta-feira em Salvador, na Bahia.
Munidas apenas de biquínis pequenos e sandálias de salto, as mulheres carregavam uma faixa com os dizeres: “Organizadores do Miss Bumbum: Na Bahia tem mulher bonita, não precisa de transexual”.
No concurso, o Estado da Bahia será representado pela transexual Amanda Sampaio.
Amanda tem 27 anos e fez a cirurgia para mudança de sexo em 2007, na Tailândia. A candidata teve a ideia de participar do Miss Bumbum Brasil 2012 depois que a transexual Jenna Talackova participou do concurso Miss Universo no Canadá, de acordo com a organização do concurso.

Protesto contra o concurso de Miss Bumbum 2012

 Ver em tamanho maior »

Orlando Oliveira/AgNews

AnteriorPróxima

A participação da transexual não agradou as vencedoras do ano passado. Elas consideraram a concorrência “desleal”
Ao “F5”, Amanda disse que não vê vantagem em ser transexual: “Eu acho que a gente não tem nenhuma vantagem”.
“Celulite depende da pessoa, qualquer um pode ter”, disse. “Mulher tem celulite porque não se cuida.” ( mulher não admite concorrência, já basta as demais mulheres, ainda tem transex pra querer se meter no meio delas, fica difícil, afinal o concurso é o que ?
é destinado a mulheres , o transex se sente mulher, pq foi operado e não tem mais o bílau, mas não é mulher na plenitude, ou seja não tem útero por ex, é complicado julgar, afinal os gays já tem seus concursos, precisam se meter nos demais ?)