jornal de NY,mostra foto de homem prestes a morrer no metrô e é criticado

Uma foto na primeira página do jornal “New York Post” mostrando um homem a ponto de ser atropelado pelo metrô em Nova York causou polêmica e levou a muitos leitores indignados a criticar a publicação da imagem e a questionar por que a ninguém tentou salvar a vítima. A polícia disse que a vítima, Ki Suk Han, 58, foi jogada nos trilhos durante um briga com um homem transtornado em uma estação de metrô na rua 49 de Manhattan na segunda (3). O homem tentou sair dos trilhos, mas o trem o atingiu e ele acabou morrendo na frente de uma multidão de passageiros.

 Um dos passageiros que presenciava a cena era um fotógrafo free-lancer do “Post”, R. Umar Abbasi, que tirou uma série de fotos, inclusive a que ocupa a primeira página do jornal nesta terça-feira sob a manchete “jogado nos trilhos do metrô, este homem está prestes a morrer”



Capa do jornal "New York Post" que mostra homem prestes a morrer atropelado em estação de metrô


. Divulgação Capa do jornal “New York Post” que mostra homem prestes a morrer atropelado em estação de metrô O Post defendeu-se alegando que esta e as outras duas fotos publicadas foram os produtos não intencionais das tentativas do fotógrafo de resgatar o homem. “Sem a força necessária para tirar a vítima (dos trilhos), o fotógrafo usou seu único recurso disponível e começou rapidamente a disparar o flash para advertir ao condutor do trem para que parasse”, afirma o Post em uma nota. “Eu comecei a correr, correr, esperando que o condutor conseguisse ver meu flash”, declara Abbasi em um artigo publicado no site do jornal. No entanto, os leitores criticaram o fotógrafo e os editores do jornal por sua atitude. “O fotógrafo disse que usou o flash da câmara para alertar o condutor, só que as fotos saíram muito bem batidas”, disse uma leitora, segundo a agência AFP. RESGATE Segundo o “Post”, o trem diminuiu a velocidade, mas não conseguiu evitar o choque.


 O homem recebeu os primeiros socorros, ainda de acordo com o jornal, de uma residente do Beth Israel Medical Center que também havia presenciado a cena. A médica afirmou, no entanto que a vítima já não apresentava pulsação ou reflexos. A polícia informou que continua procurando o homem que jogou a vítima na via do metrô, oferecendo recompensa de US$ 12 mil por informações. ( mas tb o metrô não tinha segurança ? o povo nada fez pra apartar a briga antes ? criticar só o jornal não adianta , era preciso todos se juntarem e terem feito algo.)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s