maior chacina do ano em SP e ai ?

José Eduardo Cardozo disse que a Polícia Federal poderá auxiliar as investigações da chacina em SP
José Eduardo Cardozo disse que a Polícia Federal poderá auxiliar as investigações da chacina em SP
O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, ofereceu ajuda ao governo paulista nas investigações das 18 mortes registradas na Grande São Paulo na noite da última quinta-feira (13). Cardozo disse nesta sexta-feira (14) que a Polícia Federal poderá auxiliar as investigações conduzidas pela Polícia Civil paulista caso seja necessário.
Pelo menos 18 pessoas foram assassinadas e outras seis ficaram feridas em ataques registrados em municípios da Grande São Paulo.
 
 
Os ataques aconteceram em Osasco, Barueri e Itapevi dentro de um raio de 10 quilômetros.
Ao sair de um evento realizado em Brasília sobre a Lei da Anistia e direitos humanos, Cardozo disse ter contatado o secretário de Segurança Pública do Estado de São Paulo, Alexandre de Moraes, e colocado a PF à disposição do governo paulista.
 
 
“Eu contatei o secretário Alexandre de Moraes e coloquei a PF à disposição no que for necessário. São Paulo tem uma polícia competente. A competência (para investigar os crimes) é estadual e, portanto, lá estão sendo feitas as investigações. Mas caso, por ventura, for necessário, a PF poderá apoiar”, afirmou.
De acordo com Alexandre Moraes, a participação de policiais militares é uma das linhas de investigação adotadas até o momento.
 
 
Uma eventual participação de PMs na chacina seria o resultado de uma retaliação pela morte de um militar na semana passada em Osasco. Outra linha de investigação é a de que as mortes teriam ocorrido devido a uma disputa entre traficantes de drogas.
 
“Nós colocamos uma força-tarefa para analisar todas as hipóteses. Não vamos descartar nenhuma. Chegando aos acusados, sejam ou não policiais,  vamos atuar rapidamente para prendê-los”, disse Alexandre de Moraes.

18 mortes em Osasco e Barueri

Das 18 mortes registradas, 15 foram em Osasco. Outros três assassinatos foram em Barueri.
Imagens de câmeras de vigilância instaladas próximas aos locais onde os crimes aconteceram estão sendo analisadas pela Polícia Civil de São Paulo.
De acordo com Alexandre de Moraes, cápsulas de três diferentes calibres de armas foram encontradas próximo aos corpos das vítimas: 9 mm (de uso das Forças Armadas) e 38 e 380, de uso de guardas civis metropolitanos.
 
( no link ai vc pode conhecer alguns dos mortos, dos 18 apenas 6 tinham passagem , o restante morreu por estar no local, por isso que arma de fogo não da pra dar nas mãos de qualquer um, se policiais sempre estão apontados como autores de chacinas por motivos de vingança, por prazer de matar, achando q ta resolvendo algo que ta ai desde 1500.
podem matar a vontade, enquanto não houver justiça social , isso vai anos e anos ainda pela frente, até o próximo milênio.)
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s