ricardão canta mulher casada, marido descobre e atrai o malandro pra uma conversa.

 

o cara mexeu com mulher casada, ai o marido se passando por ela no FACEBOOK, atraiu o malandro pra uma armadilha em sua casa, ai… 

( mas tb o marido estudou primeiro pra ver o tipo , ai concluiu que deveria chamá-lo pra uma conversa, só pq é grandão e viu que o cara era mais baixo, a esposa apenas filmava e assistia.

na boa, FACEBOOK tem de ser conjunto entre casais, até mesmo de namoradinhos, minha colega de serviço namora a poucos meses e os dois tem face conjunto, ou seja o que um posta o outro sabe, tem a senha compartilhada e pronto.

o marido ai bastaria posar nu e mostrar pro cara que alem de ser grande  tem uma ferramenta enorme, trozoba mesmo de fazer a mulher subir pelas paredes , ou simplesmente revelar que era ele e mandar o cara procurar mulher em outro lugar, pena que não da pra saber como é a mulher, deve valer a pena pra RICARDÃO querer se atrever, o cara deve ter se borrado de medo, deu cagaço kkkkkkkkk  )

deu merda mesmo.

justiça manda tirar totem religioso de SOROCABA, até que enfim, uma novela a menos.

Agora é oficial: a Prefeitura terá de remover o totem com a inscrição “Sorocaba é do Senhor Jesus” da área próxima à alça de acesso à rodovia senador José Ermírio de Moraes, a Castelinho, e evitar que outros monumentos com a mesma finalidade vinculados a quaisquer denominações religiosas sejam instalados em espaços públicos da cidade. 

Foi o que decidiu em ação civil movida pelo Ministério Público (representado pelo promotor Jorge Alberto de Oliveira Marum) o juiz da Vara da Fazenda Pública, José Eduardo Marcondes Machado. Da sentença dada ontem cabe recurso, e caso a descumpra, o município terá de arcar com multa diária de R$ 1 mil. A providência, porém, só será efetivamente tomada quando a questão for resolvida em definitivo.
Tão logo foi postada na página do Cruzeiro do Sul na rede social Facebook, a notícia alcançou enorme repercussão. Em pouco mais de uma hora, foram quase 5 mil os acessos. 

Até jornais de outras cidades, como “O Globo” divulgaram o fato. Por meio de nota, a Secretaria de Governo informou que, “por se tratar de sentença de primeira instância, estuda a possibilidade de recorrer da decisão junto ao Tribunal de Justiça. Entretanto, ressalta o respeito ao MP e reafirma que, mediante sentença definitiva, jamais deixará de cumprir a determinação”.

Em sua fundamentação, o magistrado destaca que “nos últimos tempos o Judiciário foi posto numa situação de protagonismo e vem sendo chamado a dar respostas a questões importantíssimas. Não se trata de ativismo judicial, mas da exponencial judicialização de temas que tocam toda a sociedade, especialmente das questões políticas e das relações sociais”. A análise, continua a decisão, reforça o entendimento de que em situações que envolvam costumes, moral e dogmas religiosos, tem-se tornado inevitável a atuação judicial na proteção das minorias. 

Lembrando que ao tempo do império o Estado brasileiro adotava religião oficial, no caso a Católica, situação que mudou a partir da Constituição de 1988, que proibiu todas as entidades da federação de “estabelecerem cultos religiosos ou subvencioná-los, embaraçar-lhes o funcionamento ou manter com eles ou seus representantes relações de dependência ou aliança, ressalvada, na forma da lei, a colaboração de interesse público”, o magistrado diz que a manutenção do marco contraria o princípio da laicidade, ou seja, o poder público não pode professar fé religiosa. 

Em sua defesa no processo, o município mencionou exemplos do estreitamento do Estado com a religião, citando a existência de homenagens variadas feitas por entes públicos. A própria sentença assinala que “são inúmeras as homenagens feitas por entes estatais, especialmente a ícones da igreja Católica”. “Temos na nossa federação três estados-membros cujos nomes homenageiam figuras ou dogmas católicos, a saber, Espírito Santo, Santa Catarina e o nosso Estado de São Paulo.”

São muitas, também, as homenagens que Sorocaba presta a santos católicos, a exemplo da própria avenida onde o totem é mantido, que leva o nome do bispo diocesano Dom Aguirre. A decisão cita outros casos como os da Praça Frei Baraúna, dos bairros Santa Rosália e Parque São Bento.

O juiz, no entanto, atribui isso “à prática trazida pelos colonizadores portugueses desde o descobrimento do Brasil”. “Alguns alegam, com ponta de ironia, que fosse o Estado brasileiro de fato laico, o Cristo Redentor deveria ser retirado do alto do Corcovado. Ora, muito mais do que um símbolo religioso, o Cristo Redentor se transformou num marco do Rio de Janeiro e do Brasil. Convenhamos, parcela considerável das pessoas que o visitam diariamente ali comparecem pelo aspecto turístico, e não por devoção à figura religiosa representada”, acrescenta a decisão. 

O caso

A polêmica em torno da manutenção do marco religioso nas imediações da rodovia Castelinho começou com o questionamento encaminhado ao Ministério Público por dois estudantes de Direito. Argumentaram eles que, sendo o Estado laico, não haveria como o Município admitir a inscrição de que a cidade pertence ao Senhor Jesus.

A instalação do totem naquele local ocorreu em 2006, por iniciativa de lideranças ligadas à igreja evangélica. Desde então, o assunto tem sido debatido e gerado controvérsia. Em 2012, funcionário do setor de fiscalização chegou a anunciar que o monumento seria retirado, mas o então prefeito Vitor Lippi apressou-se em desfazer o “mal-entendido” e garantiu sua permanência no local.

 

( melhor tirar mesmo, já que sempre tava dando discussão, desviando de assuntos mais importantes, precismos de ação, de palavras de religiões estamos de saco cheio.)

mulher que ama DILMA, volta ao palácio do planalto

Edmeire Celestino da Silva, 29, momentos antes de tentar invadir o  Palácio do Planalto, em Brasília, na semana passada

Edmeire Celestino da Silva, 29, a mesma mulher que tentou invadir na semana passada o Palácio do Planalto, em Brasília, foi vista na manhã desta terça-feira (18) nas redondezas do Palácio do Alvorada, onde a presidente Dilma Rousseff reside.

“A PM foi acionada, mas ela não foi detida, pois não adotou nenhuma conduta agressiva”, afirma o Coronel Hamilton, do Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República.

Segundo Hamilton, Edmeire já se afastou do local, mas está “sendo observada”. “A conduta dela, desde que não ultrapasse os limites e desde que não esteja sem identificação, não tem problema nenhum”, afirmou o coronel.

O gabinete não soube informar se Edmeire, desta vez, estava portando algum tipo de cartaz ou foto. Segundo o coronel, acredita-se que a mulher viva em Campinas ou Jaú, no interior de São Paulo.

No último dia 11, Edmeire subiu parte da rampa externa, na tentativa de entrar no prédio. Aparentemente embriagada, sem sapatos e calçando apenas meias, a paulista foi imediatamente contida pela segurança presidencial. Ela gritava “Eu sou marido da Dilma Vana Rousseff!  Eu quero sequestrar ela para meu cativeiro: meu coração”, disse sobre a presidente.

Apesar de inicialmente se dizer marido de Dilma na ocasião, Edmeire afirmou em seguida: “Eu queria falar pra Dilma Vana Rousseff: você aceita se casar comigo, meu amor?”. ( achei que tinham sumido com ela pra sempre, ou internada num manicômio,mas a presidenta mandou resposta.)

semáforos vão tb multar os motoristas corredores de f1 em SOROCABA

chargemulta Dica: Bom macete para recorrer de multa

Agora além de se preocuparem com os amarelinhos os motoristas de Sorocaba vão ter outro motivo para dirigir com mais atenção e cuidado. A Urbes-Trânsito e Transportes abriu licitação para contratação de uma empresa para instalação de 10 semáforos em  cruzamentos  que vão multar caso o condutor do veículo passe pelo sinal vermelho.

De acordo com o presidente da Urbes, Renato Gianolla, o valor estimado para contratação da empresa é de R$ 600 mil. “Será um contrato de 12 meses”, explica.

Caso não ocorram problemas durante a licitação, a previsão é de que em abril de 2012 esses semáforos já estejam funcionando. “A licitação é para operação dos equipamentos 24 horas por dia”, afirma Gianolla.

O BOM DIA questionou a segurança dos motoristas durante a madrugada, quando não costumam parar no sinal vermelho em razão  de assaltos, e  se vão ser penalizados em razão disso. “Nós temos  casos de cruzamentos onde é autorizado o desligamento durante a madrugada, em função de questões que não comprometem a segurança. Os  equipamentos também seguirão a mesma determinação”, garante Gianolla.

Mas o presidente da Urbes faz um alerta. “Lembramos que os critérios não são para todos os semáforos, que funcionam durante a  madrugada e que devem ser respeitados pelos condutores”, esclarece  Renato Gianolla.

O prefeito Vitor Lippi (PSDB) defende a instalação do  semáforos. “A atitude de intensificar a fiscalização nos cruzamentos semaforizados  é a de proporcionar maior segurança e respeito às regras de trânsito, longe de qualquer conotação de indústria de multas”, explica Lippi.

O prefeito coloca que vale ainda lembrar que o condutor que respeita as regras de trânsito nunca será registrado pela fiscalização eletrônica. “O avanço ao sinal vermelho , constitui-se em situação de extrema insegurança para os usuários das vias”, afirma. 

Lei municipal autoriza desligamento
Desde de 1º de setembro de 2009 uma lei municipal proposta pelo vereador Benedito de Jesus Oleriano (PMN), o Ditão,  proíbe o funcionamento das luzes vermelhas e verdes dos semáforos no horário das 23h até as 5h em algumas ruas e avenidas.

15
é o número de semáforos que funcionam em “amarelo piscante” desde o dia 14 de setembro de 2009

Placas  indicam horário
Placas instaladas pela Urbes indicam o horário em que os  equipamentos são desligados.( pra quem ta reclamando que isso ai é industria de multas, trate de dirigir direito, e quem se senteir injustiçado, se unam e protestem geral.)

pai encontra armas com filha de 14 anos e chama a policia em VOTORANTIM

O pai da adolescente conta que não se arrependeu da atitude e que só pensou em proteger a filha caçula O pai da adolescente conta que não se arrependeu da atitude e que só pensou em proteger a filha caçula

A Polícia Militar de Votorantim recebeu uma chamada rara em  23 de agosto. Por volta das 18h, um pedreiro entrou no quarto da filha de 14 anos para efetuar reparos na instalação elétrica. Sobre o guarda-roupa, ele encontrou uma caixa com três armas de fogo: duas mini-garruchas calibre 22 e uma mini-pistola calibre 6,35.

Apesar dos apelos da filha, ele não pensou duas vezes e acionou os policiais, que foram à residência, na Vila Garcia, para apreender o armamento.

“Minha filha gritava, falava que era para entregar a arma a ela, que estava sendo  guardada para um traficante. Mesmo assim, chamei a PM e entreguei tudo”, conta, informando que neste dia a garota saiu de casa e passou a noite fora, retornando em seguida.

A menina  já cometeu um ato infracional há dois  anos, enquanto estava entre amigos “brincando” com uma arma de fogo que pertencia ao mesmo traficante. A jovem disparou acidentalmente, matando uma criança de 12 anos. A menina, então,   passou seis meses na Fundação Casa (Centro de Atendimento Socioeducativo ao Adolescente). Para o pedreiro, nenhum pai deve acobertar os erros dos filhos. “Quem ama educa”, afirma.

Entre nós / O delegado da Infância e Juventude de Sorocaba, José Augusto Pupin, afirma que é muito comum a atuação de menores de 18 anos no mundo do crime. “É uma escalada, pois ninguém começa roubando um banco. Este processo acontece aos poucos”, diz.

Segundo ele, neste momento a família tem um papel fundamental para recuperar os menores. “Os pais e familiares têm de impor limites”, afirma.

A ideia de que a lei não  atinge os menores seria um dos grandes incentivos para que crianças e adolescentes acabem seduzidos pela criminalidade. “Eles são peças de fácil reposição e acabam pagando sozinhos pelos crimes”, explica.

A lei nº 8069/90 prevê que crimes cometidos por pessoas com idade inferior a 18 anos são considerados atos infracionais e que são passíveis de internação na Fundação Casa. “Dou parabéns a este pai que demonstrou que ama sua filha e deseja que ela saia do caminho do mal”, conclui Pupin.

Jovem é baleado na cabeça

Além de ser mais um instrumento dentro do organismo do tráfico de drogas, a facilidade de acesso a armas de fogo também pode estar associada à prática de homicídios e crimes contra a vida. Não existe regra, já que não é possível afirmar que toda arma obtida de forma irregular seja usada para matar ou ferir alguém. Mas certamente é um facilitador que provoca ocorrências como a registrada na noite desta quarta-feira (28), quando  Wesley Gussonato, 24 anos, foi baleado no bairro Novo Horizonte.

De acordo com as informações da Polícia Civil, a vítima levou dois tiros na cabeça e foi encontrado em uma rua do bairro.  O socorro médico foi acionado e a vítima levada ao  Hospital Regional, onde permanece internada em estado grave e corre risco de morte.

26
armas brancas foram apreendidas em toda a cidade  no período de janeiro a julho de 2011

Tráfico reflete no índice de apreensão de armas
Apesar do bairro Nova Esperança concentrar o maior volume de  ocorrências, não há necessariamente reflexos da violência no local

Segundo levantamento da Polícia Militar, o Jardim Nova Esperança, zona oeste de Sorocaba, apresenta o maior número de armas apreendidas na cidade que, ao todo, somaram 124 até julho deste ano.

O bairro é patrulhado pela 5ª Companhia da Polícia Militar e apresentaria um dos maiores índices de prisões por tráfico de drogas, junto do  Mineirão.

Muitas pessoas estariam indo aos bairros para adquirir entorpecentes. “Isso reflete na quantidade de armas e drogas apreendidas no local”, afirma o capitão da 5 ª Companhia da Polícia Militar, Fernando Agrella. As armas são usadas para trocar com as drogas.

A criminalidade entre adolescentes também cresceu. “Durante as prisões, notamos muitos adolescentes envolvidos com a venda de entorpecentes ”, relata o capitão.

Para ele, o exemplo do caso de Votorantim mostra que as mulheres estão se envolvendo cada vez mais com a criminalidade.

Com a população / O capitão da 5 ª Companhia diz que a contribuição da população é fundamental para reduzir o número de crimes. “Liguem para o 190 e 181, é grátis e o anonimato é garantido”, conclui. Os serviços funcionam 24h em todos os dias da semana.( proteger a filha ? ela ja teve em cana, 6 meses de fundaçãocasas, não serviarm pra nada nesa maldita mania de DIMENOR, e agora JOSE ?

o traficante é capaz de matar o pai e a infeliz ainda fugir com ele, este homem ta com sangue ruim em casa, esta porcaria de DIMENOR ta acabando com o pais, ela tinha de ser apreendida e ficar uns bons anos na fundação.)

vereador de PASSO FUNDO (RS) critica cidadão por causa de adesivo, reclamando dos buracos da cidade

um cidadão de PASSO FUNDO (RS), colocou em seu carro um adesivo chamando a cidade de capital nacional dos buracos, um verador não gostou e… vejam ai no video  o que ele disse.

alarme é ? pra mim foi roubo

 passei hj cedo em frente a lotérica , e percebi isso, ai, ai começou as especulações, teria sido roubo ? tentaram entrar de madrugada ?

 a mocinha, uma das que atendem o publico, me disse que tinha sido probelam de alarme , mas analisem ai comigo ?

 notem esta viatura parada em frente.

 isso mesmo perícia técnica, pra q ? por um simples problema de alarme ?

havia uma viatura da PM do outro lado da avenida e pra q ?  a mocinha parecia ter dado uma resposta automática  ou foi instruida a falar isso, oras quer dizer que o povo não pode saber a verdade ? a lotérica vai abrir só depois de meio dia, pra q este carnaval por causa do que seria um problema de alarme ?

o que vcs acham ? pra mim foi roubo ou tentativa, pois as portas estão fechadas , arrumar alarme não impede o lugar de ser aberto para o povo pagar suas contas, ainda bem que eu não tinha nada a pagar.

quero ver o tamanho da fila as 2 da tarde, quando estarie passando em frente de novo . 

 

ROSE LEONEL,a injustiçada da vez

 (Foto: Divulgação Agência Estado) 

A jornalista Rose Leonel comemora ter obtido na Justiça uma vitória contra o ex-namorado, que foi condenado por injúria e difamação por ter postado na internet fotos íntimas dela. O caso ocorreu no fim de 2005 logo após o fim do namoro. Em entrevista ao G1 nesta quarta-feira (17), um dia após a divulgação da sentença, Rose disse que o episódio foi um pesadelo em sua vida. “É a tal sensação de estar dormindo com o inimigo”, disse.

Moradora de Maringá, no Norte do Paraná, a jornalista conta que o fim do relacionamento motivou o ato do ex-namorado, que atua como empresário na cidade. “Depois de quase quatro anos de namoro, percebi que ele não se dava bem com os meus dois filhos e que um possível casamento não daria certo. Aí resolvi terminar de vez, foi quando ele afirmou por várias vezes que não aceitava e ficou totalmente transtornado, me ameaçava por telefone quase todos os dias”, explicou Leonel.

Rose contou também que descobriu a intenção do ex-namorado através do e-mail dele. “Como eu ainda tinha a senha dele, acessava o e-mail quase todos os dias só pra ver como ele estava. Em um desses acessos descobri uma negociação com um técnico de informática, onde ele perguntava como deveria proceder para publicar fotos minhas e quanto custava. Depois de 15 dias de negociação, ele pagou R$ 1 mil em aparelhos, que facilitariam a publicação das fotos”.

Agora é vida nova, apesar de eu não conseguir confiar em mais ninguém”
Rose Leonel

Rose disse que no mesmo dia em que percebeu a conclusão da negociação, foi até um cartório e registrou a notificação da intenção do crime. “Ele assinou a notificação e estava ciente que se desse continuidade ao procedimento, seria penalizado”, afirmou.

“Foi a partir daí que o pesadelo começou. Ele disse que não tinha medo da Justiça  e além de publicar minhas fotos, informava que eu era garota de programa e ainda divulgou o telefone da minha casa, do meu trabalho e o celular do meu filho. Eu comecei a receber ligações do Brasil inteiro perguntando ‘se eu estava disponível’, me senti muito mal, decepcionada, não tenho nem palavras pra descrever os péssimos momentos que passei (…)”, relatou.

Emocionada, Rose contou que além de se sentir excluída da sociedade, perdeu amigos, emprego e pediu para que o filho mais velho fosse morar em outro país junto com o pai para que ele se afastasse dos boatos.

Condenação
Seis anos após a repercussão do caso, o empresário foi condenado por injúria e difamação por ter veiculado as internet fotos íntimas da ex-namorada na mídia digital. Ele terá que prestar serviços comunitários e pagar uma indenização mensal durante um ano e onze meses no valor de R$ 1.200,00. A decisão foi em segunda instância.

“Hoje sinto um alívio moral, mas nada pode reparar a minha dor. Agora é vida nova, apesar de não conseguir confiar em mais ninguém, espero encontrar alguém que seja do bem e que eu possa viver com tranquilidade e amor”, desabafou Rose.

Rose  (Foto: Divulgação Agência Estado)Segundo perito, Rose tinha uma média de sete milhões e quinhentos mil links relacionados ao seu nome na internet (Foto: Divulgação Agência Estado)

Como o crime foi desvendado
O perito digital Wanderson Castilho disse que a abrangência com o nome de Rose na internet era ‘absurda’. “Quando comecei a pesquisar o caso, percebi que ela tinha sete milhões e quinhentos mil links relacionados ao nome dela. Quando eu entrei na parte de mensagens instantâneas, era um pedido para adicionar a cada três segundos, sem contar que ela recebia pelo menos 500 ligações por dia”, relatou.

“A primeira coisa que decidi fazer foi entrar em contato com um site da Alemanha, onde as fotos também foram divulgadas que tinham aproximadamente 200 mil acessos diários. O dono do site me passou informações e eu consegui pedir uma quebra de sigilo. A partir daí, descobri que  o login e a senha do administrador dos links estava sendo acessada de um computador em um shopping de Maringá. A loja era do ex-namorado de Rose. Tudo se confirmou”, finalizou. ( bem não vou negar, que vi algumas fotos, mas dai a isso ser motivo da moça ser condenada por todos é demais né minha gente ?

então imaginem, uma ex namorada vongativa, rancorosa, expor seu ex na net, uma foto dele fazendo fio terra por ex ? sweria o fim do mundo ? imagine expor politicos, gente famosa e afins em coisas que fazem na calada da noite ou no recanto do lar ?

ela perdeu amigos ? , amigo amigo mesmo, apóia, fica do lado, da força pra continuar e eguer a cabeça,´perder emprego por isso ? é o mais alto grau de machismo, ela faz e ai, o cara expoem e ela que paga o pato, ele perde o que ? , pagar uma indenização durante um ano e 11 meses ? swervicinhos comunitários, só, ele todos esqueçem, afinal é homem, ela fica marcada por ser mulher.

por mim , muda de cidade, estado e recomeça em outro lugar, se bem que é desaforom, ter de sair de sua cidade natal, por causa do povo, mania do BRASIL machista, ainda julgar apenas a mulher.)