muro da vergonha 2, custou 8 mil reais

pois é os dois lados pagaram estes 8 mil, o povo deveria ter invadido já esta birosca e expulsado todos de lá, direita, esquerda, militares, igreja o caralho a quatro.

domingo vamos se pelo os dois lados não derrubam isso pra se enfrentarem na porrada

LULA MOLUSCO É nomeado ministro e ai povo ?

e justamente hj onde a noite tem futebol, e o povo ta mais preocupado coma  situação dos seus times na libertadores.

LULA certamente preferiria o ministério da pesca, ou a DILMA criar o ministério da cachaça.

agora vamos esperar pra ver se vai ter resposta das ruas. 

filha do LULA MOLUSCO, manda o pais tomar naquela lugar e ai povo ?

e o povo faz o quê ? futebol, cerveja, praia, BBB, tb povo adora tomar desde 1500 e não reage.

mas tb o roupinha mais chinfrim heim ? a VAL MARCHIORI se mandasse o pais tomar no zero, estaria usando um vestido de gala , olha o modelito da princesa do LULINHA.

a casa caiu, LULA MOLUSCO nas mãos da federal.

A Polícia Federal e a Receita Federal deflagraram na manhã desta sexta-feira a 24ª fase da da Operação Lava Jato. Os mandados estão sendo cumpridos em endereços do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e do seu filho, Fabio Luiz Lula da Silva. A PF esta na casa do petista, no Instituto Lula, na casa e no escritório de Fábio Luís.

A operação foi deflagrada com base em investigações sobre a compra e reforma de um sítio em Atibaia frequentado pelo petista, o fato de sua mudança ter sido transportada para o local e a relação desses episódios com empreiteiras investigadas na Lava Jato, além da relação dele com um tríplex no Guarujá reformado pela OAS.

O Estado apurou que há mandado de condução coercitiva contra o ex-presidente Lula e o presidente do Instituto Lula, Paulo Okamotto. A operação foi autorizada pelo juiz Sérgio Moro, responsável pela Lava Jato em Curitiba.

A Operação foi batizada de Aletheia em referência a expressão grega que significa busca da verdade. Cerca de 200 policiais estão nas ruas e 30 auditores da Receita para cumprir 44 ordens judiciais, entre elas 33 mandados de busca e apreensão e 11 de condução coercitiva em São Paulo, Rio de Janeiro e Bahia.

São investigados crimes de corrupção e lavagem de dinheiro, entre outros praticados por diversas pessoas no contexto do esquema criminoso revelado pela Lava Jato que envolve pagamento de propina por grandes empreiteiras em troca de obras na Petrobrás a partidos políticos.

A investigação que atinge em cheio o principal nome do PT ocorre um dia depois de vir à tona a delação do ex-líder do governo no Senado, Delcídio Amaral (PT-MS) na qual o parlamentar afirma que a presidente Dilma Rousseff teria atuado para interferir nas investigações no Judiciário e de que Lula teria pedido para ele procurar o filho de Nestor Cerveró para evitar que o ex-diretor da estatal não implicasse José Carlos Bumlai.

Ainda segundo o senador, que foi solto recentemente pelo Supremo após ser preso em flagrante por tentar prejudicar as investigações, o ex-presidente teria demonstrado preocupação com as investigações da Operação Zelotes sobre compra de Medidas Provisórias em seu governo e que envolvem seu filho Fábio Luís Lula da Silva e pedido para ele evitar que os lobistas investigados no esquema fossem convocados para depor na CPI do Carf no Senado.

CONFIRA ONDE ESTÃO SENDO CUMPRIDOS OS MANDADOS:

Rio de Janeiro (Capital) – 2 mandados de Busca e Apreensão

Bahia (Salvador) – 5 mandados de Busca e Apreensão + 1 Condução Coercitiva

São Paulo
Capital – 18 mandados de Busca e Apreensão + 6 Conduções Coercitivas
São Bernardo do Campo – 5 mandados de Busca e Apreensão + 2 Conduções Coercitivas
Guarujá – 1 mandados de Busca e Apreensão
Diadema – 1 mandados de Busca e Apreensão + 1 Condução Coercitiva
Santo André – 1 mandados de Busca e Apreensão
Manduri – 1 mandados de Busca e Apreensão
Atibaia – 2 mandados de Busca e Apreensão + 1 Condução Coercitiva

( pois é galera o homem mais honesto do pais e talvez do mundo, vai ter de depor sim, o dia hj promete, vamos esperar.)

prefeita ostentação volta a exibir luxo e critica os que falam mal.

Lidiane Leite antes da Denúncia do MP.

Mesmo após sua prisão e de ter sido acusada pelo Ministério Público Federal por desvios de recursos federais, fraude licitatória e associação criminosa, a ex-prefeita da cidade de Bom Jardim, no Maranhão, Lidiane Leite parece que não se abalou.

A jovem de 25 anos, voltou a ostentar e publicar fotos nas redes sociais, inclusive com direito a propaganda de sapatos e a um registro da visita a um salão de beleza, conforme publicado pelo jornal “Extra”.

Ainda segundo a publicação, durante a Operação Éden, da Polícia Federal, que teve início em agosto e investigou denúncias de desvios de verbas da educação de Bom Jardim, Lidiane evitou publicar fotos nas redes sociais, onde antes ostentava uma vida de luxo. Chegou a apagar todas as suas fotos do Instagram, onde coleciona mais de 13 mil seguidores.

A “prefeita ostentação’ também mandou um recado para aqueles que criticam suas postagens. “Eu sou mulher, tenho direito de me maquiar, de ir ao salão, eu tenho direito de comemorar o nascimento de Jesus, direito de ver familiares e amigos, de tirar fotos e publicar, direito de viver, vocês estão querendo me jogar numa cova, vocês são cruéis e sem temor a Deus, peço que todos orem por essas pessoas porque isso não vem de Deus. Agradeço todo dia a Deus por eu ter tanta gente que me ama, que me faz bem. Obrigado senhor por me fazer feliz, porque em nem um momento deixei de confiar nos teus planos. Te amo, pai”.

( e o povo ai da cidade tem direito a que minha senhora ? a ficar quieto e ter de assistir a senhorita se exibir com luxo nas redes sociais e a cidade que se dane ?

se aqui fosse pais de verdade vc , seu ex noivo ou noivo sei lá o quê e outros envolvidos , estariam na cadeia isso sim.)

turma do caramunnzio não fica sem mamar na prefeitura né

Em tempos de crise econômica, a Prefeitura de Sorocaba elevou o gasto com a folha de pagamento de seus funcionários comissionados (contratados sem concurso público) em 22,7% no último ano. No comparativo entre 2014 e 2015, esse montante passou de R$ 12,2 milhões para R$ 15 milhões.

 

O que chama a atenção é que o número de cargos criados a mais nesse período é de apenas nove, o que equivale a um aumento de apenas 5,5% no quadro de funcionários por indicação no Paço, que atualmente somam 172. Cabe ressaltar ainda que o reajuste salarial dos servidores municipais aprovado na Câmara Municipal neste ano está distante dessa proporção: foi de 8,41% sobre o salário-base e de 6,41% para os cargos do alto escalão como prefeito e secretários.

Questionado sobre o aumento de gastos com comissionados no evento de entrega das chaves do residencial Parque da Mata, na sexta-feira passada(30), o prefeito Antonio Carlos Pannunzio (PSDB) se recusou a comentar os motivos da elevação da folha de funcionários por indicação. “Não vou discutir isso aqui”, disse à reportagem. Os questionamento também foram encaminhados pelo Cruzeiro do Sul ao Serviço de Comunicação (Secom) da Prefeitura, mas não houve retorno.

( pois é a cidade e o pais em crise, mas dinheiro pros mamatas dos governos municipais, estaduais e federias nunca falta né ?

criança sem merenda escolar,sabe tudo fechados, oficina do saber quase fechadas ou já fechadas, unidades de policia nos bairros não tem, os nóias a vontade, etc etc, se for falar de tudo haja tempo.

e este aumento vem no momento em que o povo ta nas praias, bebendo, esperando BBB16, alienados em geral, este ano tem eleição, se não trocarmos tudo será sempre assim.

ACORDA SOROCABA.)

 

 

 

GENOINO esta livre de vez, toma BRASIL

  • Genoino obteve o benefício com base no indulto natalino decretado por Dilma

    Genoino obteve o benefício com base no indulto natalino decretado por Dilma

O STF (Supremo Tribunal Federal) extinguiu nesta quarta-feira (4) a pena do ex-presidente do PT José Genoino, condenado por corrupção ativa no processo do mensalão.

A decisão foi tomada por unanimidade e teve como base o indulto natalino decretado pela presidente Dilma Rousseff em dezembro de 2014. Em 2012, Genoino foi condenado a quatro anos e oito meses de prisão e cumpria parte de sua pena em regime domiciliar.

Em dezembro de 2014, a presidente Dilma assinou decreto de indulto natalino que previa o perdão a todos os condenados do país que estivessem cumprindo pena em regime aberto ou em prisão domiciliar.

O benefício só poderia ser concedido se ainda faltassem até oito anos para o cumprimento total da pena. Desde agosto de 2014, José Genoino cumpria sua pena em regime de prisão domiciliar.

O petista é agora um homem livre. Ele poderá dormir fora de casa, votar, frequentar bares e não precisará mais comparecer periodicamente à Justiça.

Apesar da extinção da pena, porém, Genoino não poderá voltar a disputar cargos eletivos imediatamente já que renunciou ao mandato de deputado federal em dezembro de 2013 para evitar a cassação. Segundo a Mesa Diretora da Câmara dos Deputados, ele só poderá voltar a disputar cargos eletivos em 2023.

No último dia 25 de fevereiro, o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, deu parecer favorável à extinção da pena de Genoino por considerar que o ex-parlamentar se enquadrava nos critérios previstos no decreto.

O relator da ação penal 470, do caso mensalão, ministro Roberto Barroso, decidiu pela extinção da pena e submeteu sua decisão ao plenário do STF. Dos nove ministros presentes à sessão, todos votaram a favor do perdão da pena de Genoino.

Segundo julgamento no Supremo, o mensalão foi um esquema de corrupção em que agentes do governo federal recebiam apoio no Congresso Nacional para votações de interesse do Executivo por meio de pagamentos mensais a partidos e políticos.

O caso terminou com 37 pessoas condenadas entre políticos e empresários. Entre os políticos condenados estão o ex-ministro chefe da Casa Civil José Dirceu, o ex-tesoureiro do PT Delúbio Soares e ex-presidente do PR Valdemar Costa Neto.

( imagina se voltasse a disputar cargos, o povo bunda votava nele de novo, mas soltaram o homem agora em que o povinho banana nanica ta de bunda pra cima nas praias e ja bebendo por conta do fim de ano.

AH BRASIL.) 

CQÇ e a censura da tragédia em MARIANA (MG)

35936_662293213834129_1940424399_n

 

 

o CQÇ naturalmente não se podia esperar outra coisa foi censurado em MARIANA, vigiado a todo momento, barrado numa entrevista coletiva, já credenciado oficialmente mas depois barrado sem explicação, mas o repórter JULIANO DIP, conseguiu fazer a melhor matéria possível e mostrou lances importantes .

um pais que fica refém de empresas não é pais, cidades mineiras sitiadas pq dependem de um empresa mineradora que gera 80% da economia da região, e agora as pessoas tem sua liberdade cerceada, não podem dar entrevista pra qualquer um vc não pode ir a tal lugar sem ser barrado, e no fim de tudo isso a empresa vai pagar apenas 1 bilhão de prejuízo ?

1 bilhão vai dar pra quê ? a empresa fatura muito mais que isso e tem o seguro, como sempre o lombo do brasileiro vai ter de bancar o restante, pra depois tudo acabar em pizza de lama

 

bandoleiros do MST agridem manifestantes em BRASILIA, ditadura em marcha

Na tarde desta quarta-feira (28) integrantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MTST) cercaram o acampamento do Movimento Brasil Livre (MBL), grupo pró-impeachment de Dilma.

O MTST alega que deseja acampar no mesmo local. Houve confusão, integrantes do MTST partiram para agressão e uma mulher foi acusada de perfurar membros do MBL.

O acampamento no gramado do Congresso Nacional teve autorização do presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB). Parlamentares petistas querem que o grupo seja retirado, alegam que a autorização precisa ser do presidente do Congresso Nacional, Renan Calheiros.

Ontem os manifestantes abriram uma faixa com o dizer, Fora Dilma, durante sessão deliberativa no plenário da Câmara. O líder do PT na Casa, Sibá Machado se exaltou e ameaçou, “eu vou juntar gente e vou botar vocês para correr, daqui da frente do Congresso, bando de vagabundo. São vagabundos. Vamos para o pau com vocês agora”. Coincidência ou não, nesta tarde o MTST apareceu no local (assista aos vídeos). Procurada a Polícia Militar do Distrito Federal disse que não houve nenhuma ocorrência no local.

( vejam ai nos vídeos como ta a coisa em BRASILIA, militontos do MT agridem  os manifestantes acampados, pra vcs verem a real democracia onde tá, ACORDA POVO, querem calar sua voz , daqui a pouco vc não pode reclamar de nada mais, é uma nova ditadura em marcha)

prefeita ostentação é solta, tb ficou de boca fechada

Lidiane ficou conhecida por postar fotos de viagens, festas, carros e roupas caras nas redes sociais e ainda desdenhar de quem questionava seu poder aquisitivo

Lidiane ficou conhecida por postar fotos de viagens, festas, carros e roupas caras nas redes sociais e ainda desdenhar de quem questionava seu poder aquisitivo

A ex-prefeita de Bom Jardim (MA), Lidiane Leite da Silva, 25, deverá ganhar a liberdade nos próximos dias e usar tornozeleira eletrônica para ser monitorada pela Justiça.

Nesta sexta-feira (9), o juiz José Magno Linhares Moraes, titular da 2ª Vara da Justiça Federal no Maranhão, revogou a prisão preventiva expedida contra Lidiane, determinou o uso de tornozeleira e proibiu a entrada dela no prédio da prefeitura.

Lidiane está presa desde o dia 28 de setembro em um alojamento com ar-condicionado no quartel do Corpo de Bombeiros Militar em São Luís desde que se entregou à Polícia Federal.Ela passou 39 dias foragida da Justiça.

Ela é acusada de desviar recursos destinados à merenda escolar, reforma e construção de escolas no município. Após assumir o cargo, a ex-prefeita costumava esbanjar bens e viagens. Ela ficou conhecida por postar fotos de viagens, festas, carros e roupas caras nas redes sociais e ainda desdenhar de quem questionava seu poder aquisitivo.

Segundo a decisão, o magistrado determinou ainda que ex-prefeita também não poderá viajar sem autorização da Justiça. Ela está obrigada a comparecer uma vez por mês à comarca do município que reside para justificar suas atividades.

Segundo o advogado de Lidiane, Sérgio Murilo Muniz, a família da ex-prefeita informou que ela deverá se mudar para o município de São José do Ribamar (região metropolitana de São Luís) e não voltará para Bom Jardim.

“Estamos aguardando informações da Justiça sobre a instalação da tornozeleira eletrônica para Lidiane sair do quartel. Não sabemos se vai ser hoje. Essa decisão era esperada por ela com ansiedade, pois ela nunca impediu nenhuma investigação”, disse Muniz.

Desde que a Justiça expediu o mandado de prisão preventiva contra Lidiane, a defesa dela alegava que a medida era “desnecessária” porque ela “não atrapalhou as investigações” e nem havia coagido testemunhas.

 

 ( fica quietinha, segura o rojão, que logo vc estará solta nas quebradas de novo, dito e feito, e outros envolvidos ficam na boa)