homem é estuprado por 3 mulheres na ÁFRICA DO SUL, se fosse vc meu amigo e ai ?

00
Periguetes que tão matando cachorro a grito rendem homem com arma, jogam o cara em porta-malas, dão remedinho estimulante e o obrigam a fazer vuco-vuco

Um homem de 33 anos foi sequestrado em Port Elizabeth, a aproximadamente 770 km da Cidade do Cabo (África do Sul), por três mulheres armadas. Elas recolheram seu sêmen e o depositaram em um cooler, segundo o site Sowetan Live.

A vítima foi parada pelas mulheres, que, dirigindo uma BMW preta pela cidade, pediram informações sobre como chegar a uma determinada localidade. No meio da explicação, o homem acabou rendido por uma delas e foi colocado no porta-malas do veículo. As mulheres agiram violentamente e o puseram à força no carro. Ele foi obrigado a ingerir um líquido, o que fez com que ficasse excitado rapidamente.

Depois de dirigir por horas, o trio abriu o porta-malas e começou a acariciar o homem. Ele teria sido estuprado sucessivas vezes, e as mulheres, então, coletaram seu sêmen, que foi depositado em um saco plástico, colocado dentro do cooler.

“Este caso é extremamente confuso para nós, nunca vimos nada parecido”, contou um policial. “O homem estava plenamente consciente durante todo o ato e ainda está traumatizado”, disse. A polícia abriu uma investigação de estupro.

isso não é apenas na ÁFRICA DO SUL, já li caso iguam no ZIMBABWE , mesmo modos operandi, o cara é sequestrado obrigado a tomar um remédio, transar e ter o esperma roubado, mas afinal que remédio é este ? que o cara fica duro na hora ?

deviam era exportar estes remédios, tirariam o pais da merda, devem ser mais potentes que o viagra, e um caso destes no BRASIL, o cara reclamaria ? sedria preciso lhe apontar uma arma ?)

moleque de 8 anos se casa com mulher de 61 anos na ÁFRICA DO SUL

 
 
 



Menino de 8 anos se casa com mulher sexagenária na África do Sul 


EXTRA 

Um casamento no mínimo curioso foi celebrado na África do Sul neste fim de semana. 

O pequeno Sanele Masilela, de 8 anos, uniu-se à dona de casa Helen Shabangu, de 61, numa cerimônia que reuniu 100 pessoas. 

As informações são do The Sun. 

A alegação para o casamento, de acordo com a família do menino, é que foi um pedido do avó da criança. 

“Ele lhe pediu para se casar antes de morrer. Ele escolheu Helen porque ele a ama. Ao fazer isso, fizemos os ancestrais felizes. Se não tivéssemos realizado o casamento, algo de ruim teria acontecido na família”, contou a mãe de Sanele, Patience Masilela, de 46 anos.  

Para as famílias, o evento foi mais um ritual, já que não houve certidão de casamento, e os dois não viverão juntos. 

Mas o casal chegou a trocar alianças e dar um beijo. 

E gastaram muito dinheiro com a cerimônia, porque acreditaram que era o que os antepassados queriam. 

O curioso é que Helen, a noiva, já é casada e tem cinco filhos. 

Todos compareceram à cerimônia. 

“Eu estou feliz que eu me casei com Helen. Quando estiver mais velho, vou me casar com uma mulher da minha idade”, afirmou o noivo.( e se ela tivesse uns 16,18 anos heim moleque ? )