pastor ex gay da marcha ré e assume seu lado com o cunhado

Um caso no mínimo inusitado chamou a atenção dos 78 mil habitantes de Cacoal, em Rondônia. Um homem de 36 anos se separou de sua esposa de 23 anos para ‘casar-se’ com o cunhado de 38.

Flávio Serapião Birschiner estava casado há dois anos com Ana Paula Rochinha Birschiner. O casamento parecia um conto de fadas até aparecer Pedro Rochinha Siqueira, irmão de Ana Paula, e até então melhor amigo e único confidente.

Pedro era conhecido na comunidade de Jardim Clodoaldo como um pastor íntegro e milagreiro. Em seus testemunhos se apresentava como ex-homossexual, e creditava ao espírito santo a reorientação de seu desejo sexual.

Ele que por oito anos se apresentou em boates gays sob o pseudônimo de Shirley Mac Lanche Feliz, depois de convertido virou o Pastor Rochinha. Com fama nacional por muitas vezes comparecer na qualidade de debatedor de temas ligados a ‘Religião & Sexualidade’ em programas de TV.

Ana Paula acredita que seu casamento se desfez pela constante recusa em praticar sexo anal com o marido. Ela revela que “ele era obcecado por sexo anal”. Ela ainda afirma que confidenciou isso ao irmão, que a apoiou. Ana Paula acha que seu irmão se valeu desta informação para oferecer ao marido um diferencial competitivo.

Flavio deu entrada na justiça em um pedido de guarda definitiva dos filhos gêmeos por acreditar que “é melhor um filho ser criado pelo pai e pelo tio do que por uma mãe solteira

felicianochoro

( vamos entender os fatos, o cara virou pastor, dizia ser ex gay, ai queria o rabicó da esposa, mas ela não liberava, ai o cunhado, um enrustido resolve dar o seu pra ele, que em troca abandona a mulher e se casa com ele.

entenderam ? não tem essa d eex gay, o cara tava la achando que tinha mudado seu passado, mas bastou um cunhado pra fazer tudo voltar, seu lado estava apena adormecido, bem melhor do que ficar enganando a esposa né ?

deve estar arrependida,m ah pq não liberei o furico ? tudo por causa destas malditas regrinhas de religião e comportamento, 23 aninhos hummm, queria ver a cara dela.)

Shirley Mac Lanche Feliz kkkkkkkkkkkkkkkkk

 

pastor manda jovens liberarem a boca pra sexo oral

sasha Pastor aconselha jovens a fazerem sexo oral para preservar a castidade

Em Ji-Paraná, município do interior de Rondônia, um pastor chocou a comunidade religiosa ao sugerir no XVII Encontro de Jovens com Cristo, realizado entre os dias 3 e 4 de agosto do crorrente ano, que o sexo oral poderia ser uma alternativa para a preservação da castidade pré-nupcial.

O pastor Antário Augusto Lucena afirmou durante sua pregação que “a juventude é uma fase de ebulição hormonal. As vezes as tentações podem romper com o racional e nos colocar na porta do inferno. Nestes momentos é preciso driblar satanás. Castidade é a não-vivência do sexo antes do matrimônio. Sexo oral não é sexo. Sexo oral é carícia preliminar. Por isso se a tentação for muito forte busque a saciedade no sexo oral e preserve a virgindade para o momento apropriado”.

Imediatamente após a pregação a polêmica se estabeleceu na cidade que agora debate:  Sexo oral é ou não é sexo?

Lideranças religiosas locais se dividem sobre o tema. Segundo o padre Leonardo Meira “o sexo oral de fato não é um pecado, pois quando acontece o casamento, Deus faz de marido e mulher uma só carne, e não há mal algum em colocar qualquer parte desta carne na boca. Desde que aja um casamento religioso os abençoando”.

O pastor Antário elevou a polêmica a enésima potência quando questionado pela mãe de uma das adolescentes presentes no evento que disse que “a boca é para louvar ao Senhor e não para fazer ‘estas coisas’ que você disse”. Pastor Antario de forma levemente irônica respondeu: “Se a boca é para louvar porque você usa ela para beber água, almoçar e falar mal dos outros?”

Os jovens presentes no evento evitaram dar depoimentos sobre esta pregação. No entanto, uma jovem de 19 anos que preferiu não ter a identidade revelada disse que “o pastor colocou um fim na hipocrisia. Jovem é jovem. Ateu ou cristão. Sentem as mesmas vontades e muitas vezes realizam estas vontades. Pecado mesmo é deixar de ser feliz. Vamos gozar a vida”. ( somente em lugares atrasados ainda se discute isso, e por acaso tem homem virgem neste lugar ? não né , somente a mulher é penalizada em ter de se preservar para o casório.

o futuro marido já deitou e rolou com as quengas e  trouxa lá se guardando , afinal que tanta importância tem um hímen ? só em cabeças pré-históricas mesmo .

antigamente, ou até hj ainda deve existir em certos lugares, as jovens faziam sexo anal, pra aliviar o cara que não se aguentava , era importante preservar a zona do agrião.

como disse a jovem ai na matéria , vamos gozar a vida, pois é se todo mundo gozasse o mundo seria melhor.)